Passamos nove meses gerando nosso bebê, depois que nasce, ficamos 24 horas cuidando do nosso novo motivo de vida, não conseguimos imaginar nossas vidas sem eles, mas a vida continua e se optamos em dar continuidade a carreira profissional, uma hora teremos que delegar os cuidados com nossa joia e voltar ao trabalho. Mas saiba que nem tudo é ruim, voltar a ativa pode fazer bem para nossa alta estima e, pode ter certeza que o processo de separação, que faz sofrer muito mais a mãe do que o bebê. Veja as dicas.

Dicas Para voltar ao trabalho

Muitas mães sofrem por antecipação imaginando o fim da licença maternidade, é um sofrimento bem compreensível e comum entre as mamães. Pensando nisso, fiz pesquisas na internet e decidi postar 7 dicas para voltar ao trabalho sem estresse, ou estressando o mínimo possível.

1. Comece antes a adaptação, tanto no berçário como em casa. Por exemplo, se o bebê for ficar na escola, coloque ele antes de você começar a trabalhar, para desta forma poder acompanhar o processo de adaptação mais de perto. Se ele for ficar com uma babá ou com um familiar, acostume ele a ela antes mesmo de você ter de o fazer obrigatoriamente.

2. Saia e demore algumas horas a voltar. Faça isso por vários dias seguidos antes do seu regresso ao trabalho. Com certeza você tem coisas para resolver nesses últimos dias de licença né? Então aproveite. Deixe o pequeno com quem ele irá ficar quando você voltar a trabalhar e aos poucos você vai se acostumando a ficar longe dele também. Porque vai ser mais difícil para você do que para o bebê. Acredite.

3. Você não é a única que sabe cuidar do seu bebê e terceirizar alguns cuidados não significa que você está abandonando ele. Envolva outras pessoas na rotina do pequeno, tal como o pai. O seu filho precisa se acostumar com outras pessoas, e quanto mais cedo, melhor. Sei que é difícil e que muitas mães tem uma certa dificuldade de deixar que outros sequer cheguem perto do filho, mas isso precisa ser trabalhado tá? Com o tempo você se acostuma e tudo fica natural. Uma coisa eu lhe garanto; o posto de mãe você não perde. Nem precisa ter medo.

4. Lembre-se que você é uma só e não tem como estar em dois lugares ao mesmo tempo, por isso quando estiver no trabalho, foque apenas no trabalho, e quando estiver em casa, esqueça o trabalho. É importante para você aprender a saber “ligar e desligar” o botões. Parece difícil mas dá para aprender a fazer isso sem culpa.

5. Você querer ligar para casa para saber se está tudo bem é algo normal e não tem problema. O problema é quando você liga a cada cinco minutos. Controle essa ansiedade.

6. Não se culpe por você gostar de trabalhar e por estar feliz em regressar ao seu trabalho. Saia de casa sempre com o astral lá em cima. Esse seu bom relacionamento com o trabalho é importante, muito importante para o seu bem estar.

7. Respeite os seus sentimentos de culpa, insegurança, e de saudade. Eles são extremamente normais nessa fase e você pode achar que não mas com o tempo eles vão diminuir.

TRABALHO

TRABALHO