Tudo sobre a gripe H1N1

Gripe H1N1

Gripe H1N1

O vírus da gripe H1N1, conhecida como gripe suína, voltou a preocupar o Brasil. De acordo com o Ministério da Saúde, o país já registrou 305 casos da doença até 19 de março. Foram 46 mortes até 31/03, 10 a mais que no ano passado inteiro.

São Paulo é a área mais atingida pelo vírus, sendo ao todo registrados 260 casos, dos quais 30 acabaram na morte dos infectados.

O vírus, normalmente esperado para maio, chegou mais cedo este ano e causou preocupação entre as autoridades, que tiveram que antecipar a campanha de vacinação deste ano e uma produção emergente de vacinas.

A vacina para o vírus deste ano já está começando a ser disponibilizada na rede privada e, a partir de 30 de abril, está prevista a distribuição na rede pública e uma campanha nacional de imunização.

O Ministério da Saúde, no entanto, vai permitir a antecipação da vacinação contra a doença, e os Estados interessados poderão começar a imunizar grupos considerados mais vulneráveis antes da campanha nacional.

Como prevenir

O Colégio Rio Branco divulgou para seus alunos uma forma simples de se prevenir contra a doença, que vale compartilhar:

  • lavar sempre as mãos com água e sabonete, especialmente depois de espirrar ou tossir;
  • cobrir a boca e o nariz com lenço descartável toda vez que espirrar ou tossir;
  • higienizar as mãos, sempre que possível, com álcool gel, que deve ter sempre por perto;
  • evitar tocar olhos, nariz e boca;
  • não compartilhar alimentos, copos, toalhas e objetos de uso pessoal;
  • manter boa alimentação e hábitos saudáveis.

E fique atento aos sintomas da gripe:

  • febre alta e repentina (maior que 38 graus);
  • dores fortes no corpo (musculares e nas articulações);
  • dificuldade para respirar;
  • tosse;
  • dor de garganta;
  • coriza e nariz entupido;
  • vômito e diarreia.
Fonte: Site da Granja