Em crianças novinhas, com até 1 ano de idade, o soluço é muito comum, e em bebês até os 3 meses de vida, os soluços são ainda muito mais frequentes. Desde de o primeiro dia que vi minha Larah, ela já soluçava, algumas vezes, confesso que me preocupava muito, acreditava que o soluço poderia causar algum problema maior para ela e, para tranquilizar as mamães e papais de primeira viagem, hoje trouxe algumas informações sobre o tema.

Por qual motivo os bebês soluçam?

Embaixo do nosso pulmão, está localizado um músculo e que se chama diafragma, ele se contrai para que o ar entre no pulmão. E, o soluço ocorre, quando este músculo se contrai “fora do ritmo”, e o ar entra na “hora errada”.

Os bebês soluçam mais que os adultos pelo fato deles não terem controle total deste músculo. Além de a frequência ser grande, é comum os soluços aparecerem logo após as mamadas, quando é possível a entrada de ar, “fora do ritmo” no diafragma.

Como é possível evitar o soluço?

  • Escolha uma posição adequada na hora da mamada, o qual evite que o bebê engula ar;
  • Se o bebê faz uso de mamadeiras, escolha uma que evite o acumulo de ar, que seja adequada para a idade dele, e jamais aumente o furo da mamadeira;
  • Se o bebê já se alimenta com comidinhas, não as dê muito rápido;

As simpatias para parar o soluço do bebê funcionam?

Existe várias simpatias populares que prometem parar o soluço, você mesma deve conhecer muitas, mas, não existe nenhum estudo dizendo que elas funcionem. Pelo contrário, muitos estudos mostram que não adianta nada. Algumas podem ser inofensivas para o bebê, mas muitas podem prejudicá-lo. A melhor simpatia é o carinho, segure ele e espere um pouco que o soluço vai passar. Jamais dê susto ou líquidos estranhos para ele tomar.

Soluçar prejudica o bebê? 

Não faz mal pra o bebê, incomoda mais nós que estamos perto do que o próprio bebê. No entanto se seu bebê soluça com frequência exagerada, é bom consultar o pediatra, pois pode ser sinal de refluxo.

SOLUÇO

SOLUÇO