Mãe de Três

O na coluna Dicas de Outras Mães, tenho o prazer de trazer para vocês um relato escrito pela querida Daniela Monreal, mãe de 3 lindas meninas e escritora do blog Surpresas da Vida Espero que vocês gostem, eu amei.

COMO É SER MÃE DE TRÊS

Tinha pensado em outro rumo, outro ponto vista, outra linha de raciocínio quando eu ia começar a escrever. Mas aí, a Maria Eduarda, que é a minha filha mais velha, com oito anos, vendo-me sentada, pensativa, entretida, perguntou-me: “Sobre o que você está escrevendo, mamãe?” eu respondi que era sobre filhos e ela me disse:  “filho é bom né mamãe, assim você não fica sozinha no mundo.”

FILHOS, SÓ SABEMOS QUANDO OS TEMOS.

MÃE DE TRÊS

MÃE DE TRÊS

Tenho três meninas. A Maria Eduarda de oito anos, que já citei acima, a Manuela de seis anos e a Mariana de três anos. Todas as três com suas diferenças e individualidades mas igualmente lindas.

A Maria Eduarda nasceu um dia antes do meu aniversário de 24 para 25 anos. Havia acabado de me formar em Ciências Biológicas pela UNIFIA. Foi uma sequência de bons acontecimentos, um presentão de aniversário.

Foi uma experiência única. Realmente pude vivenciar a expressão “nasceu uma mãe”. E nasce mesmo, pois nunca demos banho, trocamos fralda ou amamentamos e a partir do nascimento fazemos tudo com uma naturalidade ímpar. Fiquei apaixonada por aquele serzinho que estava ali, indefeso, pronto para ser lapidado. Foi uma alegria enorme para toda a família.

Quando a Maria Eduarda tinha dois anos  e dois meses, nasceu a Manuela. Mais um serzinho lindo estava sendo deixado sob os meus cuidados. QUANTA RESPONSABILIDADE!!!

Vocês podem imaginar, pela pouca diferença de idade, a loucura que era. Enquanto uma queria fazer xixi no peniquinho, a outra queria mamar. Então lá ia euzinha limpar o bumbum de uma com a outra no peito…

Nesta correria o tempo foi passando. A Maria Eduarda começou a ir a escola e a Manuela foi crescendo. As duas eram muito unidas. Brincavam muito e também brigavam muito. É assim até hoje.

Tudo com dois filhos é mais complicado. Eles sempre querem coisas diferentes ao mesmo tempo. Agora imaginem três filhos. Não imaginam??? Eu também não imaginava!!!!

Estava tomando anticoncepcional, levando a vida na rotina de atividades das duas filhas quando em um belo mês, a menstruação não veio… PQP, COMO ASSIM NÃO VEIO!!!

Foi uma loucura. Principalmente quando o teste de farmácia confirmou minhas suspeitas.

FIQUEI EM CHOQUE!!! MAIS UMA GESTAÇÃO. Mais um serzinho, pequenininho, coitadinho, não sabe a loucura que está por aqui…

Ninguém imagina ficar grávida tomando anticoncepcional. Eu também não imaginava. E para quem está se perguntando não, eu não esqueci de tomar nenhum comprimido não, eu não tomei antibiótico, não…

Bom, depois de me acostumar com a ideia de um novo serzinho pensei: “agora vem meu menininho”. Mas não. Era a Mariana quem estava por vir. Quer dizer, veio um menininho mas, de saia… Ela realmente veio para fechar com chave de ouro, como dizem!!

E tudo que era difícil e complicado com duas filhas tornou-se “quase” impossível com três. Ainda bem que “quase” não se tornou impossível e superando todas as expectativas, entre mortos e feridos estamos todos bem…

Não vou dizer que não foi difícil. Quase morri de dor na terceira cesárea. Não sei se tem alguma coisa a ver mas, fiz laqueadura junto. AHHHH, SIM FIZ LAQUEADURA.Vai que o anticoncepcional falha de novo. E eu já havia tentado outras formas contraceptivas.

Mas, voltando as dificuldades. Eu demorava meia hora para deitar e, quando conseguia, a nenê acordava e era mais meia hora para levantar.

Era tudo em escala industrial, linha de produção. Três banhos, comida (cada uma queria uma coisa e a pequena queria peito). Quantas vezes eu estava pilotando o fogão, empurrando o carrinho com o pé e a pequena dormia, sem mamar… e não morreu…

E assim, aos trancos e barrancos, entre tapas e beijos, brigas, abraços, beijos, choros, festas e viagens, muitas viagens chegamos até aqui.

Como disse a Maria Eduarda no começo deste artigo, “filho é bom porque você não fica sozinha no mundo”. E por milhares de outros motivos.

Realmente nunca mais fiquei sozinha. Tomo banho com criança, vou ao banheiro com criança, durmo com criança, como com criança…

Agora dá licença que as minhas três princesas querem ir ao balanço. E claro, eu tenho que balança-las!!!

Conheçam o blog da mãe Dani: Surpresas da Vida

Posts Relacionados

Mãe sim, mas não deixar de ser mulher A grande maioria das mulheres, concordam comigo que ser mãe é a mais fascinante experiência que uma mulher pode viver. Não importa a classe social...
Como preservar a intimidade do casal com os filhos... Não existe nada mais constrangedor do que ser pego no flagra pelos filhos nos momentos a dois. Além de cortar o clima, as crianças ainda podem fazer d...
Maternidade e o Meu Eu O bebê nasceu e a mãe dava conta de estar ali empenhada em sustentar a sede de vida do pequeno ser. Enfrentou com garra e afinco todos os primeiros ...

Posts Relacionados

Como preservar a intimidade do casal com os filhos... Não existe nada mais constrangedor do que ser pego no flagra pelos filhos nos momentos a dois. Além de cortar o clima, as crianças ainda podem fazer d...
Informações Para Quem Deseja Ser Mãe Informações Para Quem Deseja Ser Mãe Deseja ser mãe? Na cultura do povo brasileiro, toda a mulher deve ser mãe, e o desejo de ser mãe, realmente cheg...
50 coisas que você não deve fazer, falar ou pergun... 50 coisas que você não deve fazer, falar ou perguntar para uma recém mãe. Fonte: Macetes de MãeSe tem uma coisa que funciona e tem que ser coloca...

20 Comentários

  1. Daniela Monreal
    30 de outubro de 2014

    Oi Dri… Obrigada pela oportunidade!!!
    BJKS

    Responder

  2. Gisele
    30 de outubro de 2014

    Adorei o post, sou mãe de uma menina, pretendo engravidar de novo no ano que vem, e as vezes fico pensando, como será que vai ser com duas crianças… imagina com 3… ehehe

    Bjs

    Responder

  3. Daiane
    30 de outubro de 2014

    Que linda sua história, cuidar de 3 não deve ser fácil, mas a recompensa é maravilhosa. Bjss

    Responder

  4. Ariane
    30 de outubro de 2014

    Nossa amiga fico só imaginando! Eu tenho só uma de dois anos e não dou conta. Mas tem sempre o lado positivo: a recomenda é tripla =)

    Beijos
    http://meus-sonhos-meus-pesadelos.blogspot.com.br/

    Responder

  5. Ariane
    30 de outubro de 2014

    Nossa amiga fico só imaginando! Eu tenho só uma de dois anos e não dou conta. Mas tem sempre o lado positivo: a recomenda é tripla =)

    Beijos

    Responder

  6. Nanda
    30 de outubro de 2014

    eu tenho medo até hoje de engravidar usando anticoncepcional
    e com certeza filho é bom por que não ficamos sozinhas no mundo rs

    Linda Tarde
    beijokas da Nanda

    Mamãe de Duas
    Google+Nanda

    Responder

  7. Jamilly Lima
    30 de outubro de 2014

    Aí que lindas. As duas são quase gêmeas.
    Beijos http://www.maeparasempre.com

    Responder

  8. Shairane Mello
    30 de outubro de 2014

    Linda história, minha mãe teve duas meninas e não foi nada fácil na adolescência rsrsrs
    bjcas
    http://www.estou-crescendo.com/

    Responder

  9. Cibele
    30 de outubro de 2014

    Que lindas! só meninas! bjo

    Responder

  10. Gerri Ferreira
    30 de outubro de 2014

    Guerreira, será que consigo kkk
    As vezes acho que não 🙁
    São lindas sua meninas.

    beijos
    Geri Ferreira
    http://www.encantodemeninablog.com/

    Responder

  11. Adriana
    30 de outubro de 2014

    adorei conhecer um pouquinho da sua história..
    Deus só da o fardo se a pessoa consegue carregar e vc foi escolhida pr ser mãe de três.
    parabéns suas filhas são lindas.
    Beijos
    http://www.beabadabeleza.com.br

    Responder

  12. Leteia Bispo
    31 de outubro de 2014

    Eita menina, que loucura rss
    Mas quando cresce agente vê que é tudo de bom
    Queria ter 3 meninas também , amo ser mãe de menina
    Bjus
    http://segredosdaluma.blogspot.com.br/

    Responder

  13. Cristiane
    31 de outubro de 2014

    Amei sua história… o jeitinho da escrita e fiquei aqui imaginando a loucura de ser mãe de três.
    Lembro q antes de casar eu e marido planejávamos ter três filhos kkk depois q veio o primeiro… estamos pensando na possibilidade de mais um e fecha a fábrica kkk
    Deve ser uma loucura, mas como sua filhota disse nunca ficará sozinha, bjs

    Responder

  14. tarcila nobre
    31 de outubro de 2014

    Lindo o carinho pela familia percebi transmitido pelo texto queria muito ser mae ainda nao sou mais quando for seria mae de 5 eu creio ….

    Responder

  15. tarcila nobre
    31 de outubro de 2014

    LIndo de mais sua familia

    Responder

  16. Pati Avancini
    31 de outubro de 2014

    Ai que texto lindo! Adorei conhecer vocês! Deve ser realmente uma aventura ser mãe de três, não é?
    Bjs,Mundinho de Arianne

    Responder

  17. Amanda Coimbra
    31 de outubro de 2014

    Que lindas adorei o poster, muito bom, tinha muito desejo de ter, dois filhos.
    bjos

    Responder

  18. Andreia Sales
    31 de outubro de 2014

    Linda hitória é um amor triplicado.
    Bjks
    http://www.maevaidosa.com

    Responder

  19. Cléo Moretti
    01 de novembro de 2014

    Como mãe de dois já me vejo ‘louca’, rs
    Mas cada uma de nós sabe das delicias que é cuidar dos filhos.
    Lindas, lindas, lindas!

    beijocas

    Responder

  20. Mari Visconti
    02 de novembro de 2014

    Nossa, eu não sei o que pode ser isso na minha vida. Uma bênção em primeiro lugar, e eu até adoraria,mas vendo o Théo hoje não me imagino. E ainda não sei como antigamente era tão normal ter mais de 2 ou mais de 3 filhos. Se eu pudesse ter alguém pra me ajudar com certeza teria mais sim.

    Bjos
    Mari
    http://www.clubedafraldinha.com

    Responder

Deixe um comentário!

*