Amamentação Prolongada – A Larah, com seus 3 anos e 8 meses ainda mama na hora de dormir. Se eu não estou por perto ela dorme sem, mas se estou, não tem jeito, quer o tets (o nome que ela chama o mama).

Nossa, mas sai leite ainda?”. “Esse leite não tem mais vitaminas.” “Nossa, vai mamar até ficar adulto?”

Essas são apenas algumas das frases que eu ouço e que mães que optam por continuar amamentando seus filhos, mesmo quando eles não são mais tão bebês ouvem.

Amamentação Prolongada

Depois dos 2 anos o leite não tem mais vitaminas ou não traz mais benefício algum?

Os benefícios do leite materno continuam existindo.

O aleitamento materno depois dessa idade está relacionado com menor chance de sobrepeso e obesidade, uma vantagem e tanto já que, atualmente, esse é um dos maiores perigos que rondam a infância.

O leite ainda oferece nutrientes, mas seu papel principal nesse ponto já foi desempenhado.

Ele não passa a ser “um alimento vazio”, como muita gente costuma repetir.

De acordo com os pediatras a melhor forma de fazer o desmame é quando ele ocorre naturalmente.

Nesses casos, o bebê vai adquirindo maturidade para deixar de demandar o leite materno.

“Alguns sinais de que a criança está amadurecendo para o desmame: menos interesse nas mamadas, aceita variedade de outros alimentos, outras formas de consolo, não ser amamentado em certas ocasiões e locais, é seguro na sua relação com a mãe”.

Quem precisou ou optou em desmamar o bebê cedo, não vejo problema algum, cada mãe sabe o que é melhor para ela é para o bebê.

Aqui não tem me atrapalhado em nada dar o tets pra Larah, por isso, seguimos assim, até quando ela quiser ou até quando eu me incomodar.

amamentação prolongada

amamentação prolongada

E com os filhos de vocês, mamaram por quanto tempo?.

__________________________

Leia também

Dicas para ajudar a amamentação

5 Coisas Sobre o Leite Artificial X Leite Materno